GIRLSPT.COM - Cursores Animados para o teu Hi5

Welcome to my blog!!! :)

"Tentar algo e fracassar é pelo menos aprender.

Não fazer a tentativa é sofrer a

inestimável perda do que poderia ter sido...!"


Obs: Uso o blog para me expressar'
Amo escrever, mas minhas postagens são meio exageradas
e meio que melosas demais! :)'
Mas sigam se acharem que minhas palavras são dignas disso *-* OBRIGADA!



Click here for Myspace Layouts

"Quem sabe ainda sou uma garotinha...!"

"Quem sabe ainda sou uma garotinha...!"
"A melody, a memory, or just one picture..."

terça-feira, 11 de janeiro de 2011

De simples covardes o mundo está cheio! (ý *-*


Quantas noites acordou com lágrimas frenéticas emergidas de seus olhos, nos quais os mesmos ardiam de modo incessante e eram predominados pela vermelhidão de horas perdidas de sono. Ela sentia algo preso em sua garganta, mas não entendia ao certo o que era, somente precisava que ele fosse desfeito. Queria poder fugir, sumir. Sabia que aquela fase iria passar, mesmo com o relógio congelado, pulsando cada vez mais devagar e com a dor martelando incontrolavelmente com mais força em seu peito. Ela se sentia só. E por um momento pensou em ligar para ele. Fazê-lo lembrar de tudo o que era real demais e acabou. Não sabia se era realmente ódio o que sentia, mas doía. E em uma escala assombrosa.
Mas enfim, com um tempo enorme a ferida em seu pequeno e frágil coração, cicatrizou. Quando via ele esperava pela dor, acreditava que iria sentir o coração ser despedaçado de novo. Mas cessou. A dor não vinha mais. Só a pena que restava dele. Ela havia percebido que não havia nada de ruim consigo, porque lhe ofereceu todo amor do mundo. Ela o amava como ninguém. Mas isso não bastou. Ele infelizmente foi fraco demais e escolheu o mais fácil. O que estava ali. Tão perto. Por isso estava com a outra. Mas nos mesmos olhos que via sinceridade, agora ela via angústia. Porque ele não era feliz, e nem a fazia feliz. Somente a aceitou, porque estava mais acessível. Não tinha desafios. Não demorou muito para ela notar que nunca precisou dele como achava. E que cada lágrima que escorria pelo seu rosto ia para o fundo de sua alma para torná-la mulher. Ele não é, e não foi homem suficiente para lhe ter, porque de simples covardes, o mundo está cheio.

segunda-feira, 29 de novembro de 2010

SER SENSÍVEL *-*


É, eu sou sensível, não saberia dizer se isso é bom ou ruim, mas não consigo simplesmente deixar passar, sabe? Eu não sei sentir pela metade, sinto forte, completo, inteiro, tudo me toca profundamente, mexe comigo. Se é uma palavra, um sentimento, uma pessoa… eu me envolvo, me importo, dou o melhor de mim. Se cometo um erro,vou lá, peço desculpas, quase imploro, e se alguém me machuca, tento ignorar sendo forte, mas choro, e choro, e sempre acabo colocando uma parte da culpa em mim, tudo isso para tornar mais aceitável ter sido magoada. Minhas dores são quase insuportáveis de tão intensas, os sensíveis sofrem mais, choram mais, se decepcionam mais, mas o que eu poderia fazer?
Acho que já nasci assim, ou se não nasci, devo ter aprendido em alguma fase da vida que já não dá mais para voltar. E se pudesse escolher? Não, eu não deixaria que a minha sensibilidade partisse, deixa ela aqui comigo, deixa, que quando a felicidade vier, eu sinto tanto, que sou capaz de senti-la em dobro.

P.S: Estava com saudades do meu cantinho. Estava estudando muito, por isso me afastei. Mas agora vou postar sempre, para compensar o tempo perdido. Beijos amores.

domingo, 17 de outubro de 2010

EU SOU... VOCÊ É... NÓS SOMOS CAPAZES! *-*


A confusa garota olhou para os lados, buscou encontrar respostas para fatos de sua vida. Tudo soou muito vago. A brisa faiscou sobre sua face, mas nada trouxe consigo. Pairou sobre suas incertezas, as mesmas, tão grandes e cumulativas que a cada pulsar de seu peito, passou a acreditar mais e mais que nunca iriam se findar. Enganada estava. Nada é para sempre, nem mesmo as dúvidas e a insegurança que a dominava. Um dia as respostas virão, pode ser que nem todas, a vida é complexa demais para isso, porém se deve priorizar sempre a questão de que nenhuma incerteza é tão grande, capaz de desequilibrar e acabar com o futuro daquela que sonha.

Enganados estão todos aqueles que usam o NUNCA como argumento para tudo que não conseguem fazer, para aquilo que se dizem incapazes de realizar. Ninguém é tão incapaz a ponto de impor limites e restrições tão breves e curtas a sua própria vida, chegando ao extremo de se acharem insuficientes para alcançar uma meta ou concretizar uma ação.

Dentro de nós há uma capacidade imensa para se realizar tudo aquilo que desejamos, basta que mergulhemos profundo em nosso interior, e assim, encontremos forças e a luz necessária para sermos realmente felizes. Mesmo que não se encontre algumas respostas dentro de si, é na vida, gradativamente que iremos aprender.

O caminho da existência humana é complexo e sempre provido de tribulações. São nessas etapas difíceis que devemos nos superar e assim mostrarmos ao mundo o quão grande e vitorioso é o ser que somos.

P.S: Aprendi que tudo o que eu anseio e ambiciono depende apenas de mim, das forças que somente meu ser pode ter, da capacidade que vou obstruir de meus poros para alcançar e derrotar todas as incertezas que me assolam. Se alguém ler esse post, fica uma dica: VOCÊ É GRANDE, INCRÍVEL E TEM UMA CAPACIDADE IMENSA. INCERTEZAS OCORREM SEMPRE, MAS SE FOQUE EM SUAS CERTEZAS, SÓ ASSIM VOCÊ ACREDITARÁ MUITO MAIS EM SI, E IRÁ LONGE!’
E ISSO É UMA CERTEZA!’

domingo, 26 de setembro de 2010

Alma e coração prontos para qualquer batalha *-*


Pairou sobre seus pensamentos. Naufragou nesse rio de incertezas. Ambicionou sentimentos. Amou e sofreu calada.
A vida vai passando por seus olhos como um flashback, e também vai lhe trazendo djavus arrepiantes. Boquiaberta, seus olhos se sobressaem, os reflexos falham; a garganta seca, lágrimas emergem, se encontra sem ação.
Inocência, insegurança, medo de sofrer. Baldes de água fria desabam sobre si; vapores escaldantes lhe queimam a face; caminhos de brasas tostam a fina camada de pele de seus pés; Boca ressequida; cabisbaixa... Um tapa na cara da vida.
Ela aprende que bonecas não lhe servem; trancinhas não caem mais tão bem; Os livros não são mais de desenhos; As pessoas não vão mais olhar para si e lhe apertar as bochechas, achando-a a "garotinha" fofa... Agora é preciso bem mais.
É preciso crescer; Se cair, saber levantar; Se chorar, encontrar motivos pra sorrir; Se perder, lembrar-se que a vida não é feita somente de momentos de glória, mas sim de altos e baixos...É preciso ser forte para conviver e superar isso.
Sobressair-se; saltar; alçar altos voos... A menina que um dia viu o naufrágio de seus sonhos cor de rosa, hoje tem de reerguer e reformar a embarcação de seu existir, pois na verdade, nada se afundou em momento algum, foram seus olhos banhados de pureza, inocência, falta de experiência e compreensão, que viram isso. Hoje é preciso blindar olhar e coração, para que os mesmos não se abalem com o ver e sentir, e assim, o barco da vida navegue solidamente, com a estrutura intacta, resistindo às tribulações e tempestades, e navegando sempre para o caminho que leve a real felicidade.
Se vierem os sofrimentos, as lágrimas, os choques da vida, os caminhos revoltosos, as dificuldades do mundo... Aprenderá e crescerá com tudo isso, pois a doce menina cresceu, e com ela vieram às cicatrizes, as marcas, as lembranças e principalmente, a LIÇÃO, que com os erros, as dores, as ilusões e decepções, é que se aprende e se reforça, para se viver de verdade e traçar o caminho com a alma e coração prontos para qualquer batalha.

P.S: Estou sem tempo de postar aqui no blog,mas prometo arrumar um espaço para vir aqui sempre que possível! Beijos e obrigada a todos que leem e que de algum modo apreciam meu cantinho!

sexta-feira, 3 de setembro de 2010

RAZÃO x CORAÇÃO - EIS A QUESTÃO *-*


E um jogo de emoções começa a rodear esse espaço escuro e sombrio, trazendo consigo as sensações mais tentadoras e decepcionantes nas quais se pode sentir. Tudo começa a sumir relevantemente do alcance da visão mais profunda que se pode ter, nada mais parece fazer sentido, e essas emoções então começam a ficar cada vez mais fortes e incontroláveis. Nada preciso, tudo abstrato, as mãos não tem o poder de agarrar o que almeja e anseia para si, é indescritivelmente grande e avassalador todo essa êxtase emocional que começa a pairar sobre o ar gélido, as sensações começam a causar arrepios, suspendendo levemente a camada de tecido que lhe encobre os braços. Impotência é o que passa a predominar. Tenta mais que tudo alcançar o alvo sonhado, a emoção a cada respirar emerge mais e mais de si. Inexplicavelmente pontas de luzes começam a aparecer sobre o cenário tenebroso e negro, e tudo começa a clarear. Abre-se um túnel complexo, mas cheio de saídas estratégicas, que levam até um raiar surpreendentemente intenso e claro, mas toda essa luz não lhe faz tão bem aos olhos. Percebe-se que ao lado há também outra abertura, mas a mesma não tem tanta claridão, e tem espinhos, muitos espinhos e por mais que se procure a visão não é capaz de ver um final preciso, porém o mistério de como possa ser essa saída, causa um ar de desafio.
A abertura com claridade, complexidade, um final luminoso, mas às vezes não tão agradável chama-se razão!
Já a outra, escura, com escassez de luz, cheia de espinhos e com um final incerto, mas desejável, misterioso e tentador, se chama coração!
Razão e coração parados a sua frente, somente uma escolha, uma atitude, uma ação a tomar. Será que vale a pena trocar um final preciso, complexo demais até a saída, pois exige esforço racional, mesmo que talvez não seja o que você anseia, mas é o correto, por um desconhecido, mas que lhe causa uma sensação desejável, prazerosa, mesmo que no caminho espinhos venham a te ferir, a te remoer e lhe ferir profundamente, e você não saiba como vai se findar?
Escolhas assim vem a pairar a cada momento sobre os caminhos da vida, e basta que cada um saiba tomar o que lhe é devido, o que as suas emoções momentâneas forem capazes de te levar a fazer, é difícil, mas faz parte da ordem natural da vida. RAZÃO OU CORAÇÃO? Eis a questão!

domingo, 22 de agosto de 2010

ANULEI O RESTO... VOU COMEÇAR DE NOVO *-*




Deliciei-me com a idéia de usar verbos no passado. Amei, chorei, sofri e me decepcionei... Ações até as quais eu nunca pude usar em pretérito, pelo simples fato de fazerem parte constante do meu presente. Em nossas vidas dizem que tudo passa, e parece que chegou a vez de muita coisa ser deixada pra trás, para dar início a novas experiências em minha vivência. Coração e razão se confrontavam. Nunca consegui usar meu racional para mudar o rumo do meu lado sentimental, para que assim tudo pudesse se tornar menos decepcionante e ilusionário e isso sempre me dava à sensação de impotência e de fragilidade. Enfim, tudo se deu como a ultima gota d'água. Se ser forte é amar em silêncio, eu realmente fui incrivelmente forte, mas não quero mais ser, quero apenas ser provida de uma normalidade agradável, e usar toda essa força para coisas mais proveitosas e promissoras. Sinto-me livre, provida de uma paz e de sentimentos redundantes, que me fazem querer emergir e mostrar pro mundo o quanto me livrar de tudo o que eu sentia me banham de uma felicidade avassaladora e contagiante. Eu nunca fui de desistir de NADA muito fácil, mas incontestavelmente tudo isso durou muito, e hoje vejo que foi totalmente perca de tempo ter me privado de tanta coisa e das oportunidades de ser feliz que batiam a minha porta, por toda essa ilusão. Nunca precisei que ninguém sentisse pena de mim, pelo fato de ter ou não algum tipo de sentimento por esse alguém, muito menos a própria pessoa. Isso foi o ponto crucial para desprendê-lo do meu coração. Não preciso disso, aliás, eu simplesmente amei demais, nada doentio e que viesse a interferir na vida do mesmo, guardei tudo pra mim de maneira cuidadosa e reservada, mesmo que tenha chegado ao ponto de muitos tomarem conhecimento do que eu sentia. Não me arrependo de nada que tenha vindo a fazer, aliás, eu não posso voltar atrás e tentar mudar algo, mas a partir de agora vou dar o meu melhor para fazer o fim mais agradável possível. Quem sabe um dia os lados se invertam, e alguém perceba que nada do que senti foi infantilidade ou digno de pena, mas sim merecedor de reciprocidade, mas com certeza, vai ser tarde demais

Mas não vou mais me estender por aqui, na verdade, essa postagem é somente para anular as outras que já postei até hoje. Lamentar-me em palavras nada adiantou, e na verdade o que eu mais quero é que tudo seja melhor daqui pra frente e a partir de agora sei que muita coisa fluirá muito melhor e vou dar oportunidade à felicidade que bater em minha porta.

♫ “Pode ir, tudo bem, você não sabe o que é gostar de alguém, pode ir, tô legal, e o que eu sofri espero que não sofra igual, fiquei mal, mas passou ...VOCÊ não sabe o que é amor..." ♫

UM BEIJO PRA VIDA QUE EU VOU SER FELIZ :D'

terça-feira, 17 de agosto de 2010

NÃO POSSO ENGANAR MEU CORAÇÃO *----*


Não poderia mentir dizendo que tentar me afastar de ti vai ser melhor; não posso me enganar convencendo-me em meio a desilusões que eu não sinto sua falta, que não é você que eu quero ao meu lado, que não sinto nada ao saber que outras o tem, mas é inevitável. Em meio a tentativas frustradas de me esquecer de tudo, eu subitamente me desmorono e me desmantelo em lágrimas de dor e ausência de ti… Tento ansiosamente e em êxtase continuo e profundo, por em minha cabeça coisas que eu anseio que fossem verídicas. Busco crer que não é o seu sorriso que se retrata em meus sonhos ao dormir, que pode ser de qualquer um, mas não o seu; que o seu beijo em mim nada mudou e que quando ninguém consegue me confortar, nenhuma diferença faria o calor do seu abraço, que um dia me aqueceu e me amparou, e que o embalsamar do seu perfume que certo dia me embriagou quando eu recostava-me em seus ombros, hoje é somente uma mera fragrância pairando pelos ares quando sinto semelhante cheiro. Seria tão menos complexo e sofrível se tudo isso fosse realmente realidade, mas em meio a lágrimas me mostro impotente e fracassada em confirmar que não é. Se eu pudesse indagar meu coração, eu o perguntaria o porquê não consegue se libertar de tal sentimento. Infelizmente coração e razão entram em batalha contínua dentro de mim e ambos insistem em não responder os porquês de todos os atos por eles realizados. Enquanto meu coração tem sede de se expressar, a razão o priva de maneira a deixá-lo vulnerável, sem qualquer vestígio de chance de se exaltar e algo então eclodir de si.
Tudo então fica incontrolável, mas nada que se possa emergir. Um coração a mercê do racional, um nó na garganta, um choro engasgado, a decepção do amor, as lágrimas que emergem sem ao menos pedir licença, e traçam seu caminho sobre minha face pálida e sem cor. Um sentimento estranho e repreendido, uma falta que eu nunca senti antes… Uma certeza de que acabou sem nunca ao menos ter começado, uma saudade de momentos que se passaram e que não voltam mais, momentos nos quais me iludi, mas me maravilhei com tal presença. Uma esperança que me mata e dilacera por dentro, me corroendo e deixando vestígios de algo que eu um dia sonhei, que tanto busquei de maneira oculta. Doce menina esperançosa, que deixou que tudo isso plainasse dentro de seu ser de modo tão inocente, tão puro, mas que hoje sente ardentemente os fluidos e as desilusões de tudo que guardara em si verdadeiramente por tempos incontestáveis.
Novos amores chegaram, ou ao menos tentaram instalar-se e conquistar um espaço aqui dentro, mas eles já se foram e nada relevante conseguiram deixar, pois nada nem ninguém pode ser comparado ao ser que aqui dentro plantou algo tão inexplicável e inefável, nada consegue ao menos se assemelhar ao que eu sinto por esse alguém… E eu nem acho que seja possível encontrar tal ser assim, capaz de fazer minha respiração ofegar de modo incontrolável e impassível, meus olhos brilharem com a intensidade do raiar solar, meus lábios ressequirem e meu coração pulsar de maneira austera, de tal modo que o mundo ao meu redor pareça plainar sobre meus pés e nada mais faça real sentido.

Não da para mentir... Ainda tenho todo esse sentimento por ti e não posso me enganar: Não sei se isso um dia vai mudar. (E o que fazer agora com tanto amor? Se pra quem eu quero dá-lo não quer recebê-lo, se deve me achar uma garota inferior a todas as outras, que com certeza são muito mais interessantes do que a ingênua menina que se desmantela em palavras e nada mais faz que isso... só peço-te desculpas e nada virei a interferir em sua vida, e faça isso, me ignore quem sabe assim meu coração mesmo que em pedaços te ame um pouco menos…)

sexta-feira, 13 de agosto de 2010

E agora não pare, somente VENHA! *-*


Pare e me presenteie com um sorriso, por durante todo o tempo que a eternidade durar.
Pare e me olhe bem fundo nos olhos, faça com que eu não queira parar de te olhar.
Pare e me estenda suas mãos em um ato gentil, segure a minha e me leve a dançar.
Pare e me de seus ombros, para que eu possa minha cabeça devagar neles recostar.
Pare e me afague em seus braços, para que eu possa nessa noite do frio me esquentar.
Pare e me de seu ouvido, para que eu possa neles palavras doces devagar sussurrar.
Pare e me de sua voz, para que eu possa ouvir cada tom que sua garganta venha pairar.
Pare e me de sem medidas a sua atenção e carinho, para de ti eu nunca me afastar.
Pare e me de sua felicidade, para que façamos dela a maior, e nada possa fazer acabar.
Pare e me de seu coração, para que eu o cuide, o ame, e a cada segundo o venha afagar.

Mas agora não pare mais, simplesmente venha, sem medo, a vida é linda, sabemos disso, está ai pra ser vivida, mas quando se está com quem te ama de verdade, você também aprenderá a amar, e verá que ela pode ser ainda mais perfeita, se tiver alguém do seu lado com quem compartilhar. As aventuras e os amores de adolescência se vão, algo novo pode enfim começar, se jogue, não tenha receio, prometo que sem pressa vou fazer com que tudo o que um dia foi sonho agora venha a se realizar! Eu PROMETO!

-ENTÃO CONTINUE, E ME DE VOCÊ, PARA QUE EU SIMPLESMENTE POSSA TE AMAR!

P.S: Eu acho que entende! *-*

terça-feira, 10 de agosto de 2010

UMA AJUDA MAIOR ! *-*



Pela manhã o Sol bate em meu rosto, abaixo a cabeça e penso no que fazer. Sabe quando você está com medo de alguma coisa? Medo de perder algo, ou ALGUÉM? Assim que me senti, ao lembrar algumas palavras que ouvi, e que fez o meu dia que brilhava anoitecer na hora... Fiquei sem palavras, cada passo que dava era uma preocupação que sentia, não conseguia esquecer esses pensamentos, e ficava pensando em assuntos e situações que nada bem me faziam. Para aquele momento não achei respostas, queria achar alguma esperança... Pensamentos vinham a mente sobre como resolver isso, até consegui achar a solução, mas não tinha tanta certeza que iria conseguir... Foi daí que sentada em minha cama, abaixei a cabeça com uma tristeza avassaladora e falei a Deus: - Pai, eu Te amo muito, Tu conheces o meu sentimento, e sabes que é verdadeiro... Meu coração está apertado, triste, com medo de quebrar e perder os pedaços, medo do vento levar embora aquilo que fez um novo sentimento nascer em mim... Depois disso, uma lágrima escorre dos meus olhos, quando chega a meu queixo, eu abro os olhos e vejo a lagrima cair, mas vejo cair em câmera lenta parecendo que o mundo começa a andar devagar... E eu olhando ela emergir de mim caminhando ao piso frio, pensei comigo: - Será que essa lágrima vale à pena?
Logo depois vem em meu coração assim: - Quando o amor é verdadeiro sempre vale à pena, mesmo que não dê certo o importante é você ser verdadeiro com esse sentimento.
Depois eu percebi que eu tenho que deixar nas mãos de Deus, e esperar... Pois quando colocamos nas mãos dele, tudo dá certo, pois Ele sabe o melhor pra nós.
E sei que eu devo continuar amando, mesmo que leve um tempo pra ele ser reconhecido... Pois Jesus nos amou e se entregou naquela cruz por nós... E muita gente ainda não reconhece esse amor, não o corresponde, e mesmo assim Ele continua a nos amar.
O que me alivia é que os pensamentos de Deus são maiores que os meus, Ele está cuidando de mim. Principalmente do meu FUTURO! E sei que algum dia essa coragem que tanto almejo a de chegar, pode ser que no fim nada de certo, mas pelo menos alguém maior torce e luta por mim. No final só sei que quero me recordar desse sentimento, relembrar com sorriso nos lábios de tudo isso que passei um dia.

domingo, 8 de agosto de 2010

Chorar ... ;x



Chorar... Será que realmente isso faz nos sentirmos melhores quando achamos que tudo está perdido?
Se faz ou não, o que é fato é que esse é um ato involuntário quando estamos tristes, com dor, decepcionados ou até mesmo quando estamos muito felizes. Existem pessoas que tentam esconder e ocultar suas lágrimas para se mostrarem
fortes e inabaláveis frente ao mundo, mas não existe alguém que nunca tenha chorado na vida, aliás, somos livres pra nos expressarmos.
Privar e impedir as "gotas Salgadas" de rolarem por nossas faces, só vai acumular aquilo que deveria ser liberto de dentro de si, pois chorar, é somente provar a você e a todos que tem sentimentos, e não deve impedir-se disso por vergonha, receio ou achar que vão te achar uma pessoa melosa, infantil, ou coisa do genero. Emergir de si o choro não é prioridade das crianças, adultos também choram, e isso é algo que deve ser aceito, aliás, tal ato faz parte da ordem natural da vida.



-Bom na realidade hoje vim aqui pra desabafar sobre tal assunto acima citado. Me peguei a refletir sobre toda e qualquer "lágrima" que venha a vir a rolar e ceder de meus olhos. Não é fácil admitir suas fraquezas e ânsias, e menos ainda dizer que chora sempre pela mesma coisa. É decepcionante aceitar que você é movida por falhas e momentos de ausência total de razão para agir literalmente com o coração. Mas é ai que você olha pro lado, e tenta aceitar que você é uma humana, e tem sentimentos incontroláveis e vontades nas quais não se pode imergir para dentro de si, e deixar com que elas fermentem e por isso te façam mal, aliás, tudo tem seu limite, e o mesmo quando alcançado pode vir a explodir de maneira colisiva e intensa, a ponto de deixar quaisquer vestigios racionais de lado por completo.
Molhar folhas e folhas de papel a escrever em momentos de tristeza sobre aquilo que você tanto queria que fosse motivo de sorrisos escaldantes e contagiantes a vir de seus lábios, mas que na realidade é apenas algo que aumenta ainda mais toda essa ilusão, aglomerando-se no canto da dor, e fazendo com que tudo aquilo que já estava ali, piore muito mais. Eu realmente tento levar as coisas menos a sério, deixar com que nada me abale de modo corrosivo, fazendo com que tudo o que venha a acontecer na caminhada da minha vida, só venha a acrescentar de modo positivo minha existência , mas não dá, é verdadeiro e intenso demais o que eu sinto aqui dentro. Será que eu preciso demonstrar mais e escrever menos? Mas o que aconteceria, se eu me abrisse de maneira a deixar que tudo o que eu guardo pra mim, se esvaire sobre seu total entendimento? Eu não sei, e tenho medo da resposta! Dizer: EU TE AMO no meu ponto de vista é uma expressão forte demais, e eu tenho receio de que ela não venha com a mesma intensidade pela qual eu emiti, aliás, eu espero muita reciprocidade das minhas ações, até mesmo porque, não ser correspondida só vai fazer com que tudo o que eu senti e sinto até hoje seja lançado ao vento de maneira brusca e incontrolável, mas confesso que já não suporto mais tudo isso. Será que não percebe que "Quando eu te vejo eu perco o chão" ? Eu queria mesmo fazer como essa música e dizer a você tudo, sem agir com a razão e colocar o coração a prova, que nem ligo pra suas ações, pois dizer as coisas que eu quero é preciso, que o tempo realmente não me ajuda e que se eu tento te esquecer, que é algo que eu faço a cada respirar, eu não consigo, que nada muda com o que eu venha a tentar fazer.
Tem momentos em nossa vida que parecem sonhos que jamais gostariamos de acordar. Mas ai vem a realidade, é de maneira dilaceradora obstrui tudo aquilo, e mostra a verdadeira face da vida, e isso creio que dói mais ainda, pois a dor da ilusão é algo inexplicável. Será que vai ser melhor mesmo eu fazer isso? Ou será que tudo não vai piorar se caso depois volte ao normal como antes? Eu não sei mais de nada poxa, não consigo mais controlar essa vontade súbita de chorar, ao lembrar e sentir tudo isso aqui dentro de mim. Muitos dizem que a vida é movida pelas perguntas, e eu só queria que uma fosse respondida, gostaria mais que tudo de saber se cada momento que pra mim é mágico, mesmo que passageiro, pra ti também é, ou se só passa de "fase" de adolescente.
Ontem recebi um conselho em meio a lágrimas, que me fez pensar: "- Se você correr atrás de mais, a pessoa não te da valor mesmo, então esquece e deixa meio que de lado, só assim vai ver se esse alguém gosta de você de verdade." Na realidade eu não corro atrás de ninguém, queria mesmo ter um pouco mais de atitude pra isso, mas não consigo, e eu já tentei e tento deixar de lado, mas como eu digo, é verdadeiro demais pra isso, e com certeza não vai fazer nenhuma diferença pra pessoa, aliás, quem sente sou eu e não o tal. Você percebe que a sua presença não tem importância e valor algum, pois, tudo é mais importante que você.
Já que estou dizendo de chorar, eu queria muito que isso se aplicasse a mim: " (...) A - de adoro você, B-de beijar sua boca , C- Pode ser de CHORAR, mas é de ALEGRIA de TANTO TE AMAR (...)" Ah música, sem mais delongas aqui sobre ela e sobre seu significado.
Chorar, faz parte da vida, mas cada um tem seus motivos para tal ato, só creio que um amor não correspondido pode ser uma das piores maneiras do precipitar de uma lágrima.

quinta-feira, 5 de agosto de 2010

MIMOS QUE RECEBI :D

Amores,vim aqui agradecer pelo carinho que venho recebendo das pessoas que leem as minhas postagens. Obrigada mesmo pelo gosto que vocês tem por cada palavrinha que eu escrevo, e por cada PENSAMENTO que eu TRANSFORMO em PALAVRAS. Agradeço pelos mimos que eu recebi de alguns blogs, e espero poder fazer com que meus humildes e simples textos continuem tocando vocês! Beijos e meu blog está de portas abertas a todos que amam ler e escrever assim como eu. Como foram mais de um selo, vou indicá-los para somente alguns blogs, espero que gostem.

- 1° agradeço a lindissima Yasmim pelos Selos, alias, quem lê meus posts sabem que eles são e muito bipolares e obrigada por achar que ele arrasa .
Blog: http://bomdiasophia.blogspot.com/



-2° Agradeço ao Perfeito blog Dreams pelo selo. Cada texto lá postado tem algo que me encanta verdadeiramente.
Blog: http://dreamofmemory.blogspot.com/


-3° E por último a minha amiga de postagens com assuntos em comum. Obrigada pela indicação Fernanda Silvério, minha linda.
Blog: http://fersilverio.blogspot.com/


REGRAS:
Ao aceitar receber este selo, os indicados devem cumprir quatro procedimentos básicos:
1º Colocar a imagem do selo no seu blog;
2º Indicar o link do Blog que o indicou;
3º Indicar outros blogs para receberem o selo;
4º Comentar nos blogs dos seus indicados sobre este selo.

INDICO PARA:
http://gabbypaiva.blogspot.com/
http://afaltaqueafaltafaz.blogspot.com/
http://gikastella.blogspot.com/
http://witchesandfairies.blogspot.com/
http://luizaalexandrino.blogspot.com/
http://inercya.blogspot.com/
http://lagrimascomsorrisos.blogspot.com/
http://liveonfascination.blogspot.com/

ESPERO que gostem. Com certeza com o tempo vou indicar mais blogs, por enquanto são esses.
Obrigada amores e beijos a todos.

quarta-feira, 4 de agosto de 2010

E a vida se resume nisso (...) ' *-*


Não da mais pra esconder o que os olhos denunciam. Palavras iludem, mas somente as atitudes são realmente capazes de provar e concretizar algo. Nem tudo que dizem é verdadeiro, deve-se analisar muito bem tudo e todos que te rodeiam, para que a decepção não venha a bater em sua porta algum dia . Há coisas que não morrem, apenas adormecem por um tempo, é necessário que se tome a iniciativa de ativar e despertar aquilo que se quer. As vezes não fazer tantos planos, é o melhor jeito para se surpreender, mas não que se deva deixar tudo a cargo do destino, tudo tem seu limite. Sonhe, mas não deixe de viver a cada dia intensamente. Não se deve esperar a queda, para lembrar-se do conselho, aliás, por mais que muitos sejam inuteis e decepcionantes em alguns momentos, eles podem ser uteis em muitas situações.
Não se deve esperar o dia da morte .. errar não é bom e por isso não pode em nenhum momento se tornar um hábito, pois ao menos tentar acertar mais, já é um grande passo para se ter uma vivência mais cheia de pontos positivos.
Na vida há muitas indecisões que se afloram sobre nossas mentes, que indagam e dilaceram nossa razão. Pra essas dúvidas, é preciso simplesmente se saber o que quer. É difícil, pois pode ser que muitas vezes tenhamos convicções, mas na maioria das circunstâncias, são as dúvidas que nos dominam. Não devemos procurar em nossa volta quem já está distante. O passado não volta mais. Outro ponto digno de contradições, muitos apenas procuram alcançar o mais díficil, aquilo que realmente lhe darão a realização plena, aquilo que seja literalmente o que se tanto almeja. O fácil e o pouco não é digno de orgulho e de plenitude.
Tem uma frase que diz: "Para os erros há perdão. Para os amores impossíveis, tempo." - Creio que não devemos gastar o tempo esperando por segundas chances, aliás, o tempo é algo muito precioso para ser desperdiçado, então se elas tiverem de vir, virão, pois o melhor, é aquilo que acontece naturalmente, não se deve forçar nada, esse não é o melhor caminho. Tem uma concepção que se pode analisar: Se eu faço tudo para te mostrar que não me importo com você, é só por eu me importar demais, é bem real isso, aliás, muitos usam do dom natural para aumentar e encenar falsas preocupações e amores por outras pessoas, mas na realidade, muitas vezes elas se importam muito menos com o seu bem do que se pode imaginar, e aquelas que ficam em silencio e te observam de longe, pode ser que queira muito mais sua segurança e felicidade do que quem tanto te almeja cenicamente.
As vezes aquilo que se chama de "tudo" pode se transformar em "nada" em segundos.Creio que o melhor caminho pra isso é preservar o amor próprio, e ser honesto com seus sentimentos, aliás, basta que você saiba da veracidade deles, um dia pode ser que alguém lhes de o valor que eles mereçam. É necessário ter consciência de que se fechar para o mundo por medo de se machucar, é bobagem e causa uma dor mais grande e profunda ainda (experiência própria) . Não ter pressa é o segredo, a vida é curta, muitos dizem que ela é somente uma passagem corrida aqui na Terra, mas pode ser longa pra quem sabe aproveitar e dar valor a si próprio, buscando aquilo que for o melhor e sofrendo somente por algo que achar que vai valer a pena e trará o retorno esperado mesmo depois de muita dor.

domingo, 1 de agosto de 2010

É preciso ...




Hoje dia 01-08- 2010 me peguei a ouvir as palavras de um sábio Padre em uma Palestra. Eu me encontrava frustrada pela chuva que insistia em cair, já sem esperanças de que algo que eu tanto ansiava acontecesse.

Por um minuto sequer meu celular saiu da minha visão, e trabalhando, parei para ouvir uma história que o Padre contava no salão de Palestras, era resumidamente assim:
"Um rapaz muito tímido se apaixonou por uma moça. Sua timidez sempre lhe impedira de fazer muitas coisas, dentre elas, se expressar e dizer o que sentira para sua amada. Para algo fazer, resolveu escrever a ela uma carta todos dias, nunca se identificando, porém, colocando nelas, os seus mais puros e verdadeiros sentimentos. Quando o rapaz escreveu a carta de número 365, ou seja, a exatamente 1 ano que escrevia, recebeu uma notícia que o fez cair aos prantos, na qual era que, a moça havia se casado com o carteiro, na qual havia se apaixonado a exatamente 1 ano, de tanto ele lhe ir entregar cartas de um anônimo apaixonado, o contato diário com o carteiro, fez ela por ele se apaixonar. Moral: A falta de coragem fez com que o moço perdesse sua amada por alguém que fez com que sua presença fosse mais forte que as cartas que ele escrevia.


Bom, quando eu ouvi isso, eu já me encontrava exausta, e confesso que na hora até ri muito, aliás, o sorriso é uma coisa que não sai dos meus lábios nunca, mesmo que as vezes lágrimas insistam em se precipitar. Ao chegar em casa e cair na cama pra descançar um pouco, me peguei a olhar pro meu celular, já sem esperanças como citei, pois chovia muito, e a pensar naquela história, e de principio, mesmo muito cansada peguei o verso de uma folha já usada, com um lápis até meio despontado e sei lá, comecei a escrever, como eu faço sempre quando não me sinto muito bem. Palavras aglomeradas junto a confusão, aos meus sentimentos, ao cansaço e a moral daquela história me fez fixar em versos não muito proporcionais um pouco do que eu passei a sentir, e não sei se terei coragem, mas espero a partir de hoje não ser como o "timido apaixonado" dessa história, e se eu perder alguém para algum "carteiro" mais presente que eu, não vai ser mais por não ter tentado, aliás, já guardei isso pra mim por tempo suficiente.
E foi isso que virou:

Com seu sorriso lindo, cativante e único me encantou
Algo especial que vinha de ti transpareceu e me tocou
Nem com um dicionário de palavras pra explicar entenderia
O sentimento que emergiu de mim fluiu da realidade a fantasia

Por tempos incontestáveis e inebriantes tudo lhe ocultei
A novidade disso me assustava nada normal isso eu sei
Pensar e lembrar de ti a cada segundo me fazia entorpecer
O quão seria melhor se para menos sofrer pudesse retroceder

Minha inspiração oculta e sentimental passou a se tornar
Cada palavra escrita a você me fazia imaginar e lacrimejar
Em ritmo frenético e descontrolado as linhas iam surgindo
A cada suspirar e correr das lágrimas elas iam emergindo

Algo platônico e indescritível fazia minha razão me odiar
Quem me dera se meu coração pudesse em nada palpitar
Eu me sinto insegura sem saber o que fazer e o que dizer
Nada é fácil para a timidez que insiste em aparecer

Por mim eu não sei o que sente, uma resposta bastaria
Minha vida está toda por ser vivida e não aguento essa agonia
As possibilidades do meu futuro sem você me dilaceram
Ah como eu queria que todas as coisas fossem como eram

Nada mais tenho a escrever, nada mais tenho a declarar
Me debulhar em textos e palavras não vai te fazer me amar
O que eu sinto por ti pode ser que não mude tão cedo enfim
Só sei que ao menos preciso esquecer de ti pra lembrar de mim.

quarta-feira, 28 de julho de 2010

Há coisas mais importantes com que se indignar (Y)


Atualmente vivemos em um mundo onde nos deparamos com pessoas que expõe diferentes pontos de vistas, sobre todos e quaisquer temas que possam vir a aflorar a curiosidade e o censo crítico do ser humano. Cada um tem liberdade de expressão pra achar, criticar, pensar, escrever, cantar, ou qualquer ação que os mesmos tenham vontade de fazer, desde que não seja um ato ilegal, é óbvio, você pode explorar e emergir para fora de si da maneira que desejar seus "pesares racionais".
Parando pra pensar e analisar muitos fatos e acontecimentos do dia-a-dia, me deparei com um questão que me intrigou de um modo arrebatador, algo que me fez fluir e viajar pela minha racionalidade. Me peguei vendo vídeos no youtube, lendo textos em blogs, vendo reportagens na tv e até mesmo respostas na atual "modinha" da internet, o famoso "formspring" e foi isso que acendeu e indagou meu censo critico e até mesmo me deixou incorfomada e decepcionada com a maneira de pensar de muitas pessoas.
Se somos seres livres e independentes, que fazemos o que nos da direito a liberdade, será mesmo que é preciso deplorar e se desmantelar pelas "modinhas' que "atacam" o mundo da juventude? É necessário criticar tanto, se incorformar e querer mandar num sei quem pra outro planeta? Poxa, se você não gosta de alguma coisa, é preciso atacar e desmoralizar quem gosta? São esses os questionários que eu me fiz, voltados aos assuntos mais comentados pela mídia e por todos os adolescentes da atualidade.
Se você não gosta de uma comida, você não come, certo? Mas nem por isso você vai falar que quem come é louco, ou não tem paladar, ou coisa do tipo. Agora, eu fico me perguntando o que faz as pessoas se acharem tão espertas e superiores a ponto de quererem opinar ou "atacar" os gostos dos outros, pelo estilo de banda que gostam, pela "cor" da roupa que usam, pelo livro que leem, pelo filme que assistem, por ser ou não ser fan de quem quer que seja? Poxa, será que está todo mundo tapado, ou será que a lingua não cabe mais dentro da boca, ou que os cérebros foram atrofiados e abdusidos por extra terrestres, ou na verdade, são um bando de pessoas que não tem o que fazer de melhor na vida, e encontram a solução em querer somente falar mal de tudo e de todos, pra se sentirem superiores? Meu Deus, se você não gosta de RESTART, CINE, ou seja lá o que for, cara, quem te obriga a ouvir eles? Por acaso alguém coloca uma arma na sua cabeça e te obriga a baixar as músicas de "emos viados" que eles tocam? Alguém te obriga a se vestir com roupas coloridas e colocar óculos verdes, amarelos, fluorescentes... no seu rosto? ALGUÉM OBRIGA? -NÃÃÃÃÃO! Eu gosto das musiquinhas deles, e acho que eles tem é MUITA PERSONALIDADE, isso sim, pra mim quem fala que eles são GAYS, tem que ter argumentos e provas concretas pra isso, não é somente julgar. Alguém gosta de ser julgado erroneamente? Creio que não, então, não falem dos coitados que só estão fazendo o trabalho deles, e se tem quem não goste, também tem quem goste. Vai ouvir funk, rap, hip hop, e desconta suas iras naquelas letras de músicas pornograficas e sanguinolentas, e deixa as adolescentes chorarem, cantarem músicas melosas, chamarem os "gays" de lindos e maravilhoso, aliás, como eu já disse, é fase, e não é por isso que as pessoas deixam de ter "cérebro" ou passam a ser burras tapadas. Agora analisa precisa sair por todo lado falando mal, dizendo que essa "raça" precisaria morrer e tals? Nem é necessário isso, se você é intelectual, isso principalmente pros jovens, vai ouvir MOZART, CHOPPIN, BACK (Nada contra, eu adoro música clássica) , e parem de falar do estilo dos outros, e cuidem mais do estilo de vocês, que é o que deve ser prioridade.
Outra coisa que me deixa louca. O que tem gostar de Justin Bieber? Particularmente eu acho que ele não canta bem, mas eu não tenho nada contra quem gosta, e nem tenho que palpitar no gosto de ninguém, se ele faz sucesso, bom pra ele, se as menininhas morrem por ele, gostam do rostinho de "baby" que ele tem, ou da franja de lado perfeitamente lisa, quaaaaaal é o problema? São adolescentes poxa, isso é fase, passa.
Felipe Neto? O cara que critica tuuuuudo e toooodos, claro, ele é perfeito, ele pode! Certeza! Pelo amor de Deus, será que ninguém ve que ele faz justamente o que ele critica. O idiota num tem nada pra fazer, coloca uma camera na cara, e fica colocando defeito em tudo, ai um outro bando de "desoculpados" ri que se mata na frente do computador, e faz comentários concordando com tudo o que ele fala. Genteee, acordaaa... Ele que quer conseguir fama com esses vídeos, ele que é o idiota na história, será que ninguém percebe isso? Por isso que eu digo, o mundo está perdido mesmo! Eu poderia passar a vida escrevendo os absurdos pelos quais o mundo vem passando, é tanta guerra, fome, violência, falta de amor e união entre os povos, ambição... Mas nem dá pra citar nada disso, aliás, a calça colorida que fulano usa é horrível mesmo, o que tenho a ver que a água do mundo ta acabando? É bem isso, ninguém se lembra dos reais problemas que habitam a nossa existência, e acham que o que é pior, é ver jovens integrantes de uma banda, ou cantores e tals, que tem meios alternativos de se vestirem e cantarem. Isso não é nada!
Então, vamos dar mais valor, criticar, lutar e falar mal de coisas reais, concretas, que terão algum retorno, e não de "modinhas" que em nada interferem em nossas vidas!

Pra quem leu, obrigada pela paciência, foi apenas um desabafo.

segunda-feira, 19 de julho de 2010

o meu agora ... *-*


Bons motivos existem para que eu esteja escrevendo esta postagem. Hoje, talvez até mais do que nos últimos dias, eu parei pra pensar em mim mesma de maneira mais livre. Tento buscar o sentido do que realmente importa na minha vida. Existem momentos que me confundem, mas confundem tanto que chego a desmoronar, e o sonho perfeito perde toda a magia! Como sempre, estive prestes a desistir de mim mesma e daquilo que considero meu. O que seria um abandono desconfortável da minha parte. Mas graças a Deus, não aconteceu. O meu exagero contínuo alimenta varias das minhas esperanças de tocar quem eu desejo, mas também faz de mim uma sofredora convicta por deixar-me mercê de um desejo tão estúpido assim. Se por vezes, sou insana e insensata e outras horas sou apenas a meditação de quem já não busca nada além do que já tem. Nunca foi de real entendimento acreditar em quaisquer sentimentos que eu viera a sentir. Mas nunca me neguei saboreá-los. E não seria diferente desta vez! Gosto da loucura que tudo isso exala, mas confesso que a minha calmaria é a única que me dá forças para enfrentar os dilúvios. Sempre digo que, se existe por quem se lutar, lute. Se existe alguém pra amar, o ame. Mas existe muito mais do que lutar ou amar alguém. Não se deve lutar em vão, em casos que já estão perdidos e menos ainda amar quem não lhe corresponde. Mas nesta ultima parte, tenho que ser sincera. Ninguém ama alguém por escolha. Se não eu não estaria escrevendo esse desabafo hoje!
Acho que o amor está acima de qualquer conhecimento que eu possa ter em toda minha vida, pois o próprio me realça tantas dúvidas, que às vezes custo em acreditar no mesmo. Mas isso não faz dele uma alucinação de minha parte, mas me faz outra “cega” por sentimentos alheios. Eu gostaria que muitos dos meus desejos fossem atendidos, mas sei reconhecer que tantos deles, são apenas caprichos. Gostaria também de não estar falando de mim mesma assim tão abertamente. Sem ao menos usar palavras mais difíceis ou terceiras pessoas, me deixando transparecer de maneira que me constrange. Mas não por que tenho vergonha do que sinto, simplesmente por que a garota espontânea é um tanto tímida em falar de si. Mas faz-me bem textos assim. É como se eu contasse como me sinto, na verdade é a melhor maneira de aliviar qualquer coisa que me possa amedrontar.
Apesar de qualquer coisa, me sinto confortável. E já escorreram algumas lagrimas sim! Mas já sei como enfrentá-las. O fato é que sou uma chorona, inerte em suas próprias frustrações. Só que eu acredito que o tempo possa curar tudo, não que eu ache que tudo isso seja uma grande “ferida” aberta em meu “mísero” coração. Não, não! Não acho isso. Pelo contrario. É delicioso sentir. É diferente de um amor antigo, que me fazia chorar e chorar e chorar de novo. Desta vez, é ao suave e tão... Bom, já estou entrando em detalhes que eu só reservo ao meu coração. Eu só espero poder um dia, tirar das palavras e por em prática tudo o desejo com todas as minhas forças.

domingo, 18 de julho de 2010

Sonhos e realidades *-*


Ninguém imagina o quanto dói saber que eu nunca vou me sentir completa , que tudo que eu escrevi sobre nós você nunca vai ler , que todas as minhas lágrimas se evaporaram , sem você se quer saber que elas existem , que todos os gritos que eu dei nunca chegaram aos seus ouvidos , que você nunca vai ver meus cadernos , riscados com o seu nome , que eu nunca vou estar nos seus sonhos ao você dormir, que você nunca vai saber que eu esqueço de mim para lembrar de ti. A cada dia a intensidade dos meus sonhos durante a noite aumentam, e te ver faz com que o meu mundo desabe. Eu prometo a cada momento a mim mesma que você vai fazer parte do meu passado. Mas que passado? Aliás, creio que a famosa frase: "Ninguém perde o que nunca teve!" se aplica literalmente a mim. É isso que forma meus sonhos. Eu relembro os momentos que contemplei sua presença, tudo tão mágico, mas ao mesmo tempo vago, pois eu não fui capaz de marcar meu nome na sua história, simplesmente mais uma em meio a várias, infelizmente não aconteceu o mesmo comigo, pois não houveram vários, e você não foi apenas mais um.
Se te ver em meus sonhos, tão abstrato e irreal já tem o poder de me abalar, é inexplicável o quanto sentir sua real presença perto de mim me obstrui por dentro, é como um veneno que vai me consumindo aos poucos. VENENO? Sim, eu bem que gostaria que fosse meu antídoto da cura, mas infelizmente não existe essa probabilidade, e vê-lo só acaba me fazendo sentir pior.
Muitos me falam que eu deveria me expressar, pois eu tenho que ao menos tentar, para no fim saber o que vai dar. Mas não! Eu não vou! Eu não quero! Aliás, já é do total conhecimento do mesmo os meus sentimentos, por mais que eu jamais tenha falado com precisão, não faltaram avisos do quanto és especial pra mim. E sabe, eu não posso obrigar ninguém a gostar de mim, isso não existe. No fundo dói tanto te ver passar ao meu lado, e saber que nada sente. Bem ao contrário de mim, que praticamente perco a fala e todos os demais sentidos só de sentir sua presença ao ar. Sinceramente, eu poderia te esperar eternamente, mas eu sei que isso é impossivel, e nem quero imaginar em tal situação, pois o meu maior sonho é ser Feliz, mesmo que tal felicidade não seja compartilhada ao lado do tal. E o que eu mais quero nesse mundo é que você também seja Feliz!

Obs: Na postagem anterior eu estava altamente nervosa, e não fiz bom uso das palavras, por isso resolvi escrever esse breve texto para um pouco amenizar!

sexta-feira, 16 de julho de 2010

Selos :)





Obrigada pela indicação dos selos :)
Fiquei muito Feliz de saber que existem pessoas que realmente o leem de verdade'
Obrigada mesmo :)
Indicado pelo blog http://kimmykawaii.blogspot.com/

quarta-feira, 14 de julho de 2010

Cansei :x'


Você não sabe a tristeza que me dá , sempre tendo a impressão de que eu vou te ver nos braços de outro alguém, me faz sentir uma dor insuportável , sabe o que eu tenho que me tornar ? Uma pessoa cega , surda e muda , em modo de falar, para que afinal eu nunca veja nada ou finja que não estou vendo , fácil num é , mas com o tempo acostuma , será que tudo isso vale apena por um amor ?
já pensei em te largar , já olhei tantas vezes pro lado , mais quando penso em alguém , é por você que eu fecho os olhos ♪♫
Não é longe de você que eu vou ficar bem , pelo contrario , tudo parece estar sem razão , me sinto completamente insegura , o terrível disso, é pensar que tudo que eu vou ter que suportar pode um dia não valer apena , e o que eu vou fazer ? Sinceramente , eu não tenho nada em mente , a única coisa que tenho formada na minha cabeça é que longe de você eu não posso ficar , nunca foi fácil viver longe da pessoa que se ama , por mais que perto , possa me fazer sofrer muito mais em certos momentos , ou em atitudes suas , o que se passa na minha cabeça é que é contigo que devo estar.
Se você se colocasse em meu lugar pelo menos por um minuto , saberia o quanto machuca isso tudo , fácil não é , porém suportável ; e se Deus está permitindo é por que ele tem alguma finalidade com isso , pode ser que eu não consiga ter você só pra mim , mas que eu estou aprendendo e crescendo muito com toda essa experiência , isso é fato ! Tudo se resolverá com o tempo , a esperança sempre é a ultima que morre , mas não sei se a paciência e os limites são as ultimas que morrem , com certeza eu estarei aqui pra ver tudo e presenciar cada momento da sua vida , principalmente aquele que vai cair e o que vai levantar.

- Eu estava escrevendo isso na noite passada, e acabei não postando, sabe por quê? Porque eu me cansei disso tudo. Cansei de ficar me lamentando por alguém que nunca vai merecer tudo aquilo que eu tenho pra oferecer, que só sabe brincar de sentimentos pela vida afora. Me peguei lendo algo que me decepcionou por completo. Então GOSTAR é a sua preferencia, e não AMAR? Eu posso gostar de maçã, gostar de um colega de escola, gostar de andar de bicicleta, mas AMAR não! Eu amo aquilo que os meus sentimentos se propõem a amar, mas já vi que nem pra todo mundo é assim.
Sabe, eu não tenho nada mais a falar, a escrever, a chorar... Me peguei vendo que eu tenho de prezar por coisas melhores, não que eu não ache que você seja isso pra mim, aliás não da pra apagar isso da noite pro dia assim, mas eu quero algo que me complete, de verdade!' Eu vi o quanto as minhas amigas se empenharam pra tentar explicar o que se passava, muitas vezes até sem minha ciencia, ou melhor, na maioria das vezes, sabe o que eu queria? Que você respondesse que eu sou POUCO pra você, que eu não faço o seu tipo, ou que ser de outra cidade interfere em alguma coisa,eu espero ansiosamente por isso, já que eu nem tão cedo terei coragem de expressar o que eu sinto. Eu do fundo do meu coração espero que você encontre sua alma gêmea, aquela que te complete, aliás eu só quero sua felicidade acima de qualquer coisa!'
Bom, eu sei que estou escrevendo isso ao nada, porque nenhuma dessas palavras vão ser lidas por quem realmente merece, apesar de me referir a ela com convicção de que vão ser lidas.
Eu sei que você pode ter qualquer menina que desejar, mas só posso afirmar com toda certeza, nenhuma delas vai sentir o que eu sinto por você. Mas esse sentimento eu vou apagar, e vou dar valor a quem me ama de verdade, porque eu sei que eu mereço isso, como qualquer garota normal que se preze.
Cansei de levar a vida como uma garota timida e ingênua, que se trancou em um mundo por um alguém que jamais a olhou com olhos diferente. Eu queria ter coragem de dizer isso a você, mas como eu não tenho, eu desabafo com as minhas palavras.
Simplesmente cansei. A partir de hoje, nada mais de sofrimentos relatados aqui, porque eu não quero isso pra minha vida.

sábado, 3 de julho de 2010

A esperançaa' *-*


Existem momentos em que os nossos sonhos se perdem. Sabe, situações de tristeza, decepções...' ;x Toda a luz presente em nosso corpo se apaga, como se não houvesse saída ou ela fosse restrita e complicada demais' e você perdesse toda a sua energia tentando se recuperar, tentando encontrar um meio de escapar'. Tudo fica inexplicavelmente escuro e frio ;x' É ai que vem o pensamento que jamais se vai parar de cair nesse abismo sem fim ;x' Nossa alma, por mais intacta que esteja, enfraquece. Nosso coração fica machucado e a partir daí enlouquece de uma maneira incontrolável, e que nenhuma camisa de força pode segurar ;S'E ele então se fecha para que não se quebre mais, aliás ele já tem muitas ataduras e curativos ;x'Mas sabe, a esperança, apesar de tudo, deve sempre estar ali, ela deve continuar, pois é ela que nos move (ý'
E voltando ao céu, repleto de estrelas, se pode perceber que deixar de viver e ficar sofrendo e se lamentando, deixando de lado nossa felicidade por problemas, não é a solução (ý' Pois quando a noite está mais escura, significa que já vai sair o sol. E os sonhos, mesmo que um dia se percam e por mais dificeis que sejam, um dia se realizam, basta acreditarmos e lutarmos para isso. O coração então se abre, já não está mais fechado e fortalece a alma, e isso é o caminho mais concreto e real para que alcancemos o que mais almejamos!'E a esperança? Ela sempre aguenta nossas dores, que se transformam em uma luz, iluminando o nosso corpo, nos dando energia' E basta acreditarmos nela, pois como se ouve sempre por ai : "Ela é a ultima que morre!"

P.S: Eu sei que é estranho eu estar postando isso aqui' Mas a minha inspiração no momento está fluindo para um lado mais positivo'E a esperança de que tudo vai realmente se ajeitar, é o que está me dando suporte para acreditar que no Fim tudo vai dar certo! *-*

Somente mais um fim de semana ;x'



E aqui estou eu,em pleno fim de semana, mais uma vez postando coisas não muito precisas, digamos, confusas'. Não sei o que escolher. Na verdade, eu até sei o que escolher, eu sei o que eu quero... só tenho medo de fazer a escolha errada e depois me arrepender. Será que vale à pena tentar? Na teoria vale, todos dizem isso pra mim. Mas e na prática? Será que na vida real é a mesma coisa? E os nossos sentimentos, como eles irão ficar? Parece uma coisa tão fácil de saber a resposta. Mas é o meu futuro, minha vida que está em jogo. Eu preciso de respostas. E isso não é tão fácil de saber quando é sua vida que está em questão. Creio eu que posso conseguir resolver essa fórmula. Mas tenho MEDO. Essa coisa chatinha e que pega no nosso pé sempre. Medo de dar errado, medo do resultado. Mas como vou saber as respostas se nunca tentar? Enfim, vou começar a fazer o que eu sempre digo para as pessoas fazerem. Afinal, é muito mais fácil falar do que fazer. Mas eu vou fazer.
E vamos ver no que vai dar.